Novo castigo contra René González, um dos Cinco Patriotas cubanos prisioneiros políticos em Miami

No próximo 7 de outubro René González, um dos Cinco Patriotas cubanos condenados a 15 anos de prisão nos Estados Unidos por defender a vida de seu povo, deve ser posto em libertade pelo cumprimento da condenação.

O governo dos EUA pretende agora impedir o imediato regresso a sua Pátria e sua família, depois de haver cumprido até o último dia de sua injusta condenação e sem ter recebido benefício algum de revisão da sentença.

Por haver nascido nos EUA, impuseram a René 3 anos de liberdade supervisionada. Há 7 meses seu advogado apresentou uma moção solicitando que se modifiquem as condições de liberdade condicional e que ao cumprir sua condenação se lhe permitam regressar a Cuba para reunir-se com sua esposa e sua família por razões humanitárias.

Com data de 25 de março, a fiscal Carline Heck Miller solicitou à juíza para não aceitar a moção. Em 16 de setembro a juíza Joan Lenard rejeitou a moção da defesa alegando, entre outras questões, que a Corte necessita de tempo para avaliar a conduta do condenado uma vez posto em liberdade e verificasr que não significa um perigo para os EUA.

Devemos recordar que é a mesma fiscal que se negou a julgar Posada Carriles como criminoso, e que é a mesma juíza que incluiu nas atas de sentença de René uma condição especial uma vez posto em liberdade:… "se proíbe ao acusado aproximar-se de ou visitar lugares específicos onde se sabe que estão ou frequentam indivíduos ou grupos terroristas".

Assim restou estabelecido, até por escrito, o reconhecimento vergonhoso da impunidade que outorgam aos grupos terroristas de Miami, a proibição expressa de molestá-los e castigar a quem, como René e seus quatro irmãos de causa, se atrevam a acusá-los.

Não tem sido bastante ter cumprido sua condenação completa sem descontar um só dia; não lhes tem bastado chantageá-lo com sua família em troca de não ir a juízo se colaborasse com o governo acusando a seus companheiros; não lhes é suficiente pressionar René com sua família ao limite de deter e deportar sua esposa Olga Salanueva, a quem ademais se tem negado o visto para vistar seu esposo na prisão durante mais de uma década.

Por que se empenha o governo dos EUA em seguir castigando René e sua família?

O prejuízo da comunidade de Miami contra os Cinco foi denunciado pelos três juízes do Décimo Primeiro Circuito de Atlanta em 27 de agosto de 2005, onde reconhecem quem são os terroristas, a que organizações pertencem e onde se radicam.

Obrigar René González a cumprir 3 anos de liberdade supervisionada na Flórida, repleta de terroristas internacionais denunciados por ele e seus quatro irmãos de causa, é por em sério risco a integridade física e a vida de René.

Quanto dano mais pretende os EUA provocar em René González e sua família?

Chamamos aos amigos solidários no mundo a denunciar este novo castigo e mobilizar a vontade mundial exigindo do governo dos EUA que permita a René González retornar a Cuba para reunir-se com sua esposa e sua família quando for posto em liberdade.

Escreva agora ao Presidente dos EUA Barack Obama e ao Fiscal Geral Eric Holder solicitando o regresso imediato de René González a sua pátria e sua família.

PARA COMUNICAR-SE COM A CASA BRANCA
Escreva uma carta ao Presidente Barack Obama
President Barack obama
The White House
1600 Pennsylvania Ave, NW
Washington, DC 20500
EUA

Chame por telefone e deixe uma mensagem para o Presidente Barack Obama:
202-456-1111
Se a chamada for desde fora dos EUA, marque o Código Internacional do respectivo país + 1(Código dos EUA)202-456-1111

Envie um correio eletrônico ao Presidente Barack Obama

http://www.whitehouse.gov/contact

PARA COMUNICAR-SE COM O DEPARTAMENTO DE JUSTIÇA

Escreva uma carta ao Fiscal Geral Eric Holder

US Attorney General Eric Holder
U.S. Department of Justice
950 Pennsylvania Avenue, NW
Washington, DC 20530-0001

Chame por telefone e deixe uma mensagem ao Fiscal Geral Eric Holder: 202-514-2000
Ou chame pelo telefone de comentários ao público: 202-353-1555

Envie um correio eletrônico a Eric Holder
AskDOJ

Comitê Internacional pela Liberdade dos Cinco

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s