Relato do encontro de solidariedade a Cuba – CUT-DF

Laços de solidariedade

Os conselheiros da Embaixada de Cuba no Brasil Rafael Idalgo e Alexis Vega participaram de um café da manhã, promovido pela CUT/DF, nesta terça-feira (5).

O secretário de Política Social da Central, Ismael José César, explicou que o objetivo do encontro foi reafirmar e aprofundar os laços de solidariedade entre os movimentos sociais brasileiros e cubanos. “Principalmente depois da infeliz declaração do presidente Obama, quando em visita ao Chile, de que os ventos da liberdade que sopram no mundo árabe deveriam também soprar neste lado do Atlântico, numa clara provocação à Cuba e à Venezuela”, destacou. Para Ismael, os movimentos não aceitam a ingerência de qualquer governo sobre outro. “Temos que reagir a esse tipo de atitude, defendendo a autonomia dos povos e a soberania das nações”.

Alexis Vega destacou que o cenário internacional pode complicar-se com as eleições americanas em 2012, “mas as políticas de intervenção e ocupação com certeza vão continuar”. Por isso, Vega prega desde agora o fortalecimento do projeto socialista.

O mesmo pensa Rafael Idalgo. “Defendemos não apenas Cuba, mas um projeto de mudanças. Estamos – no Brasil, na Bolívia, na Venezuela – recebendo uma ofensiva da direita e precisamos nos defender”, disse. Para ele, é preciso somar forças em torno de um objetivo comum, que é a integração latino-americana pelo viés socialista.

Lembrando o projeto estratégico da Central – que é o socialismo -, a secretà ¡ria de Mulheres Trabalhadoras da CUT/DF, Maria da Graça de Sousa, reafirmou o compromisso de solidariedade com Cuba. “Nós fazemos parte desta grande construção e o que nos une é o socialismo”, destacou.

Presente ao evento, a deputada distrital Rejane pitanga (PT-DF) frisou o respeito e a solidariedade intensa que permeiam as relações entre os dois países, “principalmente nos últimos oito anos, quando o país avançou tudo o que não tinha avançado em 500 anos de história”.

Ficou acertado que a CUT/DF, juntamente com a embaixada cubana, realizará uma atividade no dia 19 de abril, quando serão comemorados os 50 anos da vitória do povo cubano no episódio da invasão frustrada à Baía dos Porcos.

Participaram do encontro representantes do Sinpro/DF, Sintfub, Cpers, Sindser/DF, Sindnações, Movimento de Defesa da Revolução Cubana, Movimento Democracia Direta e Secretaria Especial da Presidência da República.

André Barreto da CUT-DF / Fotos: Vanessa Galassi

Espalhe

ocomumbrasil.wordpress.com

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s