O velho Obama

Do Engajarte

Alguém encontrou um antigo discurso do Premio Nobel da Paz- Barack
Hussein:

Mark Weisbrot | Washington:
"O presidente não tem poder, sob a Constituição, de autorizar
unilateralmente um ataque militar em uma situação que não envolva a
detenção de uma ameaça efetiva ou iminente à nação".
Estas foram as palavras do então senador Barack Obama ao se opor, em
20 de dezembro de 2007, à ideia de que o presidente Bush poderia
bombardear o Irã sem a aprovação do Congresso. Agora, no entanto, ele
faz exatamente o que condenou quando ainda não representava o
establishment da política externa dos EUA – em outras palavras, um
império.

– Ação de guerra na Líbia vai gerar um passivo jurídico para o Obama,
a possibilidade de impedimento de seu mandato por ter ido a guerra sem
autorização do congresso, um dos mais fracos presidentes da história
dos EUA agora cai em uma armadilha jurídica, vai ficar no limbo como o
Clinton depois do episódio da Monica Levinski.

É mais um sinal da degringola nas entranhas do império, a gringolândia
vai de tropeço em tropeço, e seu presidente pato manco torçe mais uma
perna.

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s